Fidelidade ao amor
“Você tem duas opções: Ou vive por si mesmo, ou muda pelos outros; felicidade é questão de escolher caminhos, e não multidões. Viver pelo que você faz é a essência do que você escolhe, caminhar pela opinião dos outros é a mesma coisa de gostar de pássaros mas preferir o som da flauta. Seja o que você quer, escolha o que permita ser. A escolha é sua.” — Gabriel Malaquias
Michelle, 21, Brasil.
  ask me   submit   instagram   facebook   twitter   bye
1 2 3 4 5
Eu lhe prometo ser fiel, na saúde e na doença, na alegria e na tristeza. Eu prometo amá-la incondicionalmente, apoiá-la nos seus objetivos e sonhos, honrá-la e respeitá-la, rir e chorar com você, dividir com você minhas esperanças e sonhos e lhe dar conforto quando necessário. E tratá-la com carinho por todos os dias da nossa vida.”
50 Tons de Liberdade.  (via teleportear)
Se não eu, quem vai fazer você feliz?”
Charlie Brown Jr.  (via distanciarei)
— Obrigada por se oferecer para vir aqui.
— Você sabe que tentar me manter a distância não vai diminuir o que eu sinto por você — ele disse.
— Talvez? — falei.
— Todos os esforços para me proteger de você serão inúteis — ele disse.”
A culpa é das estrelas.  (via distanciarei)
— Obrigada por se oferecer para vir aqui.
— Você sabe que tentar me manter a distância não vai diminuir o que eu sinto por você — ele disse.
— Talvez? — falei.
— Todos os esforços para me proteger de você serão inúteis — ele disse.”
A culpa é das estrelas.  (via distanciarei)
Que sejamos doce,
ao ponto que o tempo nunca amargue.
Que a felicidade esteja em nós,
de um jeito que a tristeza nunca estrague.”
Céu.   (via alentador)
Foi insuportável. A coisa toda. Cada segundo pior que o anterior. Eu só ficava pensando em ligar para ele, tentando imaginar o que aconteceria, se alguém atenderia o celular. Nas últimas semanas, nós nos limitamos a passar o nosso tempo juntos relembrando o passado, mas isso não significava mais nada: o prazer de lembrar tinha sido tirado de mim, porque não havia mais ninguém com quem compartilhar as lembranças. Parecia que a perda do colembrador representava a perda da própria memória, como se as coisas que tínhamos feito juntos fossem menos reais e importantes do que eram algumas horas antes.”
A culpa é das estrelas.  (via distanciarei)
Encontrar uma pessoa totalmente feliz e satisfeita hoje em dia é difícil, muito difícil. Há sempre algo empacando sorrisos e atormentando e atrapalhando felicidades alheias.”
Raphael Henrique, Desalentou. (via desalentou)
Muitas vezes pensamos que encontrar a devida alegria está em comprar, ou viajar. Obviamente, pra uns pode estar. Mas, a felicidade concreta está em você abraçar o seu destino e fazer o que está realmente dizendo dentro do seu coração. E aprendi isso com os meus escritores favoritos. Dizem que quando algo diz e condiz com uma chance ou “momento único”, é o melhor a se fazer, abraça-lo. Mas, onde está a felicidade? Aonde você acha que não está. Nos momentos únicos, que acontecem e deixam você se sentir assim, leve e feliz, sem motivos. Vai da sua comida favorita ao esbarrão com um estranho na rua que torna seu alicerce. Está presente nas coisas simples, no sorriso de uma criança, num gesto solidário, no dia-a-dia. Hoje a maldade está tão presente na sociedade que deixamos passar despercebidos. Tentamos enxergar maldade até onde não tem. Que mundo é esse que vivemos onde nem podemos usufruir da felicidade? Não podemos nos sentir livres, ser livre. A verdade é que deveríamos ouvir bem mais o coração e menos a razão, deveríamos perceber bem mais a beleza de um parque natural do que na imperfeição do asfalto da avenida mais movimentada. E sim, a maldade está aí, e complica a nossa vida, pois nos atemos demais nela, e pensamos que ela é totalmente o oposto da nossa felicidade, mas ela é apenas um obstáculo, deveríamos pensar assim, ela está no caminho, atrasa, tudo bem, mas não devemos desviar do nosso caminho. Deveríamos viver sem esperar tanto dos outros, nem de nós mesmos. Deveríamos usufruir mais daquela neurose de dizer que quem sabe esse seja nosso último dia, de viver como se não houvesse amanhã; mas devemos ter consciência do amanhã ao mesmo tempo, dos sonhos, dos ideais. Precisamos enxergar a vida com olhos mais amplos em cada detalhe, em detalhes mais simples e mais amplos, em diferenciar sonhos que devemos realizar, e em caprichos que simplesmente nos trariam satisfação momentânea. A verdade é que deveríamos nos conhecer para saber o que realmente queremos. O que realmente nos faz bem, não o que causa uma felicidade momentânea. Eu descobri tudo isso em meus 21 anos, e descobri porque abracei todas as minhas oportunidades, erradas ou certas eu segui e continuo seguindo meu coração. E você encontrou a sua felicidade?”
By: Ana Luiza, Ana Beatriz, Paula and Larissa B. written in imperfeita-s.  (via ocolizada)
Quem ama cuida, quem gosta quer estar perto, quem adora sabe que amor é verbo e não substantivo, é uma aventura diária carnal e emocional, não uma moldura bonita e pertinente a enfeitar as paredes da sua vida. Amor é manco de gramática, sendo quase tão certo quanto matemática, entretanto não aceitando resultados inexatos, com vírgula ou aposto. Todo pormenor a dividir duas pessoas deve levar nas costas qualquer nome. Amizade, capricho, tico-tico-no-fubá, quiproquó, pirraça, o que for. Menos amor.”
Gabito Nunes. (via distanciarei)
A dor que mais dói numa pessoa não é a doença, não e a pobreza, não é a fome. E sim, é a dor da solidão.”
Padre Fábio de Melo.  (via desalentou)
Eu quero te abraçar forte e fazer toda sua dor ir embora.”
Broken.   (via desalentou)
O segredo da existência humana não está apenas em viver, mas também em saber para que se vive.”
Fiódor Dostoiévski. (via desalentou)
Se você ama uma flor, não a colha. Porque, se você colhê-la ela morre e deixa de ser o que você ama. Então, se você ama a flor, deixe-a estar. O amor não está na posse. O amor está na apreciação.”
Osho.   (via meuslimites)